UP Residencial Club

Os desafios de morar com os pais depois de adulto

As dificuldades de quem ainda não alcançou as sensações de independência, autonomia e bem estar que tanto batem à porta na fase adulta

título da postagem

Independência é uma palavra que nos remete a uma série de questões. Quando se pensa em morar sozinho, a possibilidade de passar um tempo com os pais é sempre instigante. Afinal, o que esperar desta convivência já na fase adulta, onde há distintos modos de viver? 

Apesar de ser uma relação afetiva forte, na qual você conhece cada detalhe das pessoas que vai dividir a rotina, a fase adulta transforma a relação. 

Em estudo realizado no Instituto de Psicologia (IP) da USP, a psicóloga Renata do Nascimento Vieira Munhoz analisou sete pessoas, sendo cinco mulheres e dois homens, entre 26 e 37 anos. 

As pessoas envolvidas no estudo, em sua maioria, não se veem com estabilidade suficiente para morar sem auxílio dos pais. Dois deles, inclusive, moraram em outras casas, mas retornaram por conta desse fator.

De outro lado, destaca-se a falta de ferramentas psicológicas, questão ligada à dinâmica de cada família. “Além de situações como a solidão ou outros fatores, os filhos não se sentem aptos a saírem do lar”, afirma Renata.

 

Convivência após o divórcio

Outra situação comum é conviver com os pais após uma separação. É comum passar um tempo enquanto organiza a vida. E é perfeitamente normal que haja conflito de emoções devido às circunstâncias, ainda mais quando envolvem filhos e processos judiciais. O importante é entender e respeitar os limites da relação e o espaço de cada indivíduo, com a consciência de que é uma experiência temporária. 

Nesse contexto, os desafios devem ser encarados com maturidade. Com a vida mais planejada e estável, passar para a próxima fase, e procurar um lugar que lhe traga tranquilidade, será uma questão de tempo. 

Na região metropolitana de Sorocaba, as opções residenciais são agraciadas com uma excelente qualidade de vida. A cidade de Votorantim, por exemplo, é rica da presença harmônica de cachoeiras e parques. Destaca-se como opção o UP Residencial, um empreendimento totalmente conectado com as principais linhas de crédito dos principais bancos do país.

Talvez o último grande desafio de deixar a casa dos pais para a própria é entender a real viabilidade. Uma dica é fazer uma simulação em planos como o Minha casa, Minha vida.  

É exatamente isso que você está procurando? Leia também: Descubra as melhores condições de crédito imobiliário para você e saiba como adequar sua condição financeira às opções do mercado.

AE Patrimônio
Caixa Econômica Federal
JRA Engenharia
Minha Casa Minha Vida